segunda-feira, 30 de abril de 2012

" BIRA " TEM CABEÇA MUTILADA A FACÃOZADA E CORPO SEPULTADO EM COVA RASA.

Uma separação nada amigável. Essa será a principal linha de investigação que a Polícia vai adotar para esclarecer o assassinato de José Adeilson Batista Correia, 37, que residia no Povoado de Massagueira, município de Marechal Deodoro, na Grande Maceió-AL.
A vítima, conforme relatos de familiares, havia desaparecido por volta das 16h do sábado (28) e seu corpo só foi encontrado no inicio da noite do domingo (29).
“Bira”, como a vítima era conhecida, estava enterrado em uma cova rasa. A revolta dos parentes aumentou ao retiraram o corpo e descobrirem que ele foi morto a golpes de facão. A cabeça da vítima chegou a ser mutilada pelos golpes.
A primeira desconfiança recaiu na família da ex-mulher de “Bira”. Ele e a ex-companheira estão separados e viviam em conflito diário. Parentes dele acrescentaram que a família dela exigia alguns imóveis, como casa e terrenos.
Num clima de revolta algumas pessoas foram até a residência do padrasto da ex-mulher de José Adeilson, arrombaram a porta e destruíram o que havia dentro. 
A Polícia confirmou que a vítima não tinha nenhum antecedente criminal e sua morte foi bastante sentida na localidade.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário