terça-feira, 16 de maio de 2017

Após interrogatório - Lula disse a aliados estar convicto de que será condenado por Moro

Após interrogatório de cinco horas com o juiz Sergio Moro na última quarta-feira, dia 10, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse a aliados estar convicto de que será condenado pelo magistrado.
Por outro lado, afirmou que o encontro forçado com o juiz lhe deu mais gás para se dedicar à política. “Não conhecem o Lula”, afirmou.
Moro decidiu que o prazo para as alegações finais do processo envolvendo o tríplex em Guarujá, São Paulo, será no dia 20 de junho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário