domingo, 22 de outubro de 2017

Marido é preso por matar mulher a facadas na frente das filhas após vítima descobrir traição

Um homem de 32 anos foi preso pela Polícia Civil na última sexta-feira (20), suspeito de matar a mulher dele a facadas na frente das três filhas, com idades entre seis meses e cinco anos, no último dia 13, no Bairro Novo Paraíso II, em Cuiabá. Segundo a polícia, a vítima, Ana Paula Assunção da Silva, de 28 anos, foi morta após descobrir uma traição do marido, Abel Cassiano de Assis.
À polícia, porém, ele alegou um surto psicótico e disse que não se lembra do assassinato, apenas que discutiu com a mulher dele.
De acordo com as investigações da Polícia Civil, o casal se desentendeu depois que a mulher descobriu uma traição do marido. O suspeito, então, desferiu um golpe de faca contra a vítima, na frente das filhas, dentro da casa em que eles moravam. A mulher conseguiu correr até a casa de uma vizinha, mas foi agarrada pelo marido antes de conseguir ajuda.
Conforme a polícia, a vítima foi arrastada da porta da vizinha até o meio da rua, onde o suspeito terminou de esfaqueá-la, abandonando o corpo e fugindo, em seguida.
A prisão preventiva do suspeito foi expedida pela Justiça na segunda-feira (16) pela 1ª Vara de Violência Doméstica de Cuiabá. Ele foi procurado, mas decidiu se entregar.
O suspeito se apresentou na sede da DHPP onde foi notificado da ordem de prisão e interrogado. Ele afirmou que a mulher o ameaçava de morte e o perturbava. Ele será apresentado em audiência de custódia e, se a prisão for mantida, deverá ficar recolhido em uma unidade prisional da capital.

Nenhum comentário:

Postar um comentário