quinta-feira, 23 de agosto de 2018

Invasão a delegacia mata 1 e fere promotor, delegado e mais 9

Confusão em delegacia de Caapiranga, no AM (Foto: Divulgação)
Confusão em delegacia de Caapiranga

Onze pessoas ficaram feridas e um homem morreu após uma confusão nas proximidades da 32ª Delegacia Especializada de Polícia de Caapiranga, interior do Amazonas. Entre os feridos, estão o delegado do município e um promotor. Eles passam bem. Reforço policial foi enviado à cidade após a tentativa de invasão à unidade policial, nesta quarta-feira (22).
A Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) disse que o tumulto teve início após a informação da transferência, para Manacapuru, de um homem e uma mulher presos desde a madrugada sob suspeita de envolvimento em um homicídio. Anteriormente, a pasta havia confirmado apenas a prisão da mulher.
Segundo a SSP-AM, a suspeita é que a dupla tenha executado um rival. O homem está desaparecido desde a segunda-feira (20). A Polícia Civil afirma que tanto os suspeitos quanto a vítima já foram detidos diversas vezes por tráfico de drogas, porte de arma de fogo e homicídio.
A unidade prisional onde a dupla estava detida foi depredada, assim como duas viaturas, sendo uma da Polícia Militar e outra da Civil. A ação foi comandada por comparsas e familiares dos envolvidos no caso.

Feridos - Dos onze feridos, três homens e uma mulher seguem internados no Hospital de Manacapuru, município próximo a Caapiranga. Um homem, com ferimento grave no crânio, foi encaminhado para o Hospital João Lúcio, em Manaus. As informações foram confirmadas pela Secretaria de Saúde.

Uma morte por arma de fogo foi confirmada - O delegado Sinval Souza foi ferido por um tiro de raspão na cabeça e um promotor - que acompanhava o caso na delegacia e negociava com familiares dos presos a remoção - foi atingido com uma pedrada, também na cabeça. Não há informações sobre os tipos de ferimentos das outras vítimas.

Reforços enviados ao município - Por conta da confusão, foram enviados reforços policiais que permanecerão na cidade. Um efetivo do Grupo Fera e do Comando de Policiamento Especializado da PM foi enviado no fim da noite desta quarta (22).

Nenhum comentário:

Postar um comentário