segunda-feira, 16 de setembro de 2019

Violência no fim de semana deixa 23 mortos no Ceará em acidentes e assassinatos

A maioria dos casos de homicídio aconteceu na Região Metropolitana de Fortaleza

Em Caucaia, um jovem foi morto na porta de um condomínio residencial

Ao menos, 23 pessoas morreram no último fim de semana em conseqüência de assassinatos e acidentes de trânsito no Ceará. O balanço ainda é parcial, mas revela que17 pessoas foram vítimas de homicídios e latrocínios, os Crimes Violentos, Letais e Intencionais (CVLIs) e outras  seis morreram em desastres, a maioria, nas estradas.
Na Grande Fortaleza, Capital e Região Metropolitana, 10 assassinatos aconteceram entre a manhã de sexta-feira (13) e a noite do domingo (15). Na capital, foram registrados dois casos (nos bairros Vicente Pinzón e Lagoa Redonda), enquanto na zona metropolitana foram oito mortes violentas, sendo três em Maranguape (triplo homicídio), dois em Caucaia, dois em São Gonçalo do Amarante (duplo assassinato) e um em Maracanaú.
No Interior do estado, outras sete pessoas foram assassinadas nos seguintes Municípios: Acopiara, Icó, Orós, Tabuleiro do Norte, São João do Jaguaribe, Sobral e Tauá.

Latrocínio - Entre os casos registrado, um crime de latrocínio (roubo seguido de morte) na cidade de Sobral, na noite do domingo (15), por volta de 23h30, quando o vendedor Luís Gonzaga Soares de Souza, 70 anos, foi esfaqueado e morto por um bandido no bairro Cohab III.
Na localidade de Serra Nova, Distrito de Carrapateiras, na zona rural de Tauá, na Região dos  Inhamuns, uma tragédia familiar foi registrada no fim da tarde do domingo. Durante uma discussão banal, o adolescente Alex Weber Carvalho Pedrosa, 16 anos, foi morto a facadas por um tio, que fugiu e está sendo procurado pela Polícia.
Em Acopiara, na região Centro-Sul do estado, a Polícia está investigando a morte do presidiário Mário Galvão de Freitas, 46 anos, ele morreu no Presídio daquela cidade após ser preso na zona rural de Pedra Branca e levado para a Delegacia de Polícia de Senador Pompeu, onde foi autuado em flagrante por crime previsto na Lei Maria da Penha.
Em São João do Jaguaribe, uma mulher identificada como Maria Reginalda da Silva, foi morta, a tiros, na porta de casa. A Polícia suspeita em um “acerto de contas”.
Em Tabuleiro do Norte, um comerciante conhecido como “Maílson do Frigorífico”, foi assassinado, a tiros, na porta do seu estabelecimento, na Sede do Município. O crime ocorreu na tarde de sábado.
Em Icó, um homem identificado como Carlos Eugênio Jerônimo de Lima, 58 anos, foi morto por volta de 7 horas de sábado último.
Em Orós, a vítima da violência armada foi Robério de Almeida de Sousa, assassinado, a tiros,  neste domingo.

Mais mortes - No trânsito, seis pessoas morreram vítimas de acidentes nos seguintes Municípios: Morada Nova, Porteiras, Farias Brito, Icó e Jaguaruana. Quatro das seis vítimas trafegavam em motocicletas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário