terça-feira, 22 de setembro de 2020

Mulher é morta a tiros depois de ser atraída para matagal - Suspeito é preso ao procurar UPA

Vítima foi atraída por um homem e quando o casal chegou ao local havia um segundo homem aguardando por eles

Uma mulher foi morta a tiros ao ser atraída para um matagal entre os bairros Parque Jari e Siqueira II, na divisa entre os municípios de Fortaleza e Maracanaú. O crime aconteceu na noite da última segunda-feira (21). Um dos suspeitos ficou ferido e foi preso pela polícia horas após o crime.
De acordo com a Polícia Militar, a vítima, que não teve a identidade revelada, foi levada ao local por um homem. Quando o casal chegou ao destino havia um segundo homem aguardando por eles. Na ocasião, o outro suspeito atirou contra a mulher e fugiu em seguida.
Durante a ação, o comparsa do atirador, que atraiu a vítima para o matagal, foi atingido por um tiro de raspão e procurou atendimento médico na Unidade de Pronto Atendimento (Upa) do Bairro Canindezinho.
Policiais que estavam na unidade de saúde questionaram o suspeito sobre como ele se feriu, então, o homem confessou participação na morte da mulher e foi preso pelos agentes.
A motivação do crime é desconhecida e o caso vai ser investigado pela Polícia Civil, através do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário